This domain has recently been listed in the marketplace. Please click here to inquire.

spamcheckr.com

Home / Notícias / Voz de José – Novembro 2016

Voz de José – Novembro 2016

voz-de-jose2 de novembro, “Dia de Finados” é dedicado às homenagens aos falecidos. É o dia da celebração da vida eterna das pessoas queridas que já faleceram. Enquanto o “Dia de Todos os Santos” (1º de novembro) celebra todos os que morreram em estado de graça e não foram canonizados, o “Dia de Finados” celebra todos os que morreram e não são lembrados na oração do Dia de Todos os Santos. A Igreja Católica refere-se a esse dia como sendo o dia da Celebração de todos os Fiéis Defuntos.

É o dia do amor, porque amar é sentir que o outro não morrerá nunca, mesmo que esteja distante; amar é saber que o outro necessita de nossos cuidados e de nossas preces mesmo quando já não o podemos ver. Afirma a Igreja Católica: Reconhecendo cabalmente esta comunhão de todo o corpo místico de Jesus Cristo, a Igreja terrestre, desde os tempos primevos da religião cristã, venerou com grande piedade a memória dos defuntos (…) e, ‘já que é um pensamento santo e salutar rezar pelos defuntos para que sejam perdoados de seus pecados’ (2Mc 12,46), também ofereceu sufrágios em favor deles.

A visão cristã da morte é expressa de forma privilegiada na liturgia da Igreja: Senhor, para os que creem em vós, a vida não é tirada, mas transformada. E, desfeito nosso corpo mortal, nos é dado, nos céus, um corpo imperecível (cf. CIC nº 1012). Portanto, para nós católicos, dizer que quando uma pessoa

morre tudo acabou não é verdade.

Acreditamos que o testemunho de vida daquele que morreu fica como luz acesa no coração de quem continua a peregrinação. Por isso, acendemos velas no Dia de Finados, buscando celebrar e perpetuar a luz do falecido. Também são comuns as visitas aos cemitérios. Sobre essa prática, o Papa emérito Bento XVI destacou a sua importância por ocasião da catequese que realizou no dia 2 de novembro de 2011. Ele disse: “Também a visita aos cemitérios, ao mesmo tempo que guarda os laços de afeto com aqueles que nos amaram nesta vida, recorda-nos que todos tendemos para uma outra vida, para lá da morte”.

Boa leitura, PASCOM

 Pastoral da Comunicação

 

Ler Voz e José OnLine

Sobre Santuário São José

avatar

Além disso, verifique

Ganhadores do Festival de Prêmios da festa do Jubileu de Diamante da Paróquia São José

Por trás de uma grande pessoas, existem dezenas de pessoas que se dedicam por meses …